Posted in:

Entendendo e inovando o Círculo Cromático

Use as cores em sua melhor forma e inove de maneiras únicas!

O círculo cromático é literalmente uma roda em que estão organizadas as 12 cores mais básicas e importantes para qualquer pessoa: as três cores primárias, três cores secundárias, e as seis cores terciárias. O círculo cromático é importante não apenas para artistas, como para qualquer pessoa que deseje se expressar de uma forma direta, e ao mesmo sutil.

Não sacou? Calma que eu te explico. As cores, não apenas mostram nossas preferências quanto a trajes e estilos de vida, como traços da personalidade ou até mesmo o seu humor na ocasião em questão. Alguns profissionais das áreas de marketing e da psicologia sabem tão bem disso que exploram suas logos e estudos de forma a fazer o melhor uso do círculo cromático.

E você pode fazer o mesmo com suas roupas, basta saber as combinações de forma consciente, e com intenções bem específicas também. Deixa eu te mostrar como você pode explorar bem o círculo cromático, entendendo ele direito.

As Cores e a Personalidade

O Círculo Cromático pega o básico das cores primárias, secundárias e terciárias, e organiza em um círculo perfeito

Vamos ao básico: buscar o círculo cromático como referência para montar o visual é necessário quando você tem pelo menos duas cores em mente em seus trajes. E não, o preto, o branco e o cinza não entram nessa pelo simples fato delas não serem parte do círculo. Estão fora justamente por serem os extremos opostos, como a ausência de cor e a sobreposição de todas elas.

Enfim, o que importa é que, quando você combinar cores no seu estilo, considere que elas por si só trazem mensagens ou algumas que complementam você ou a ocasião. Para tanto, pense nos seguintes aspectos ao explorar o círculo cromático.

Humor – Tem tanto a ver com o seu próprio humor naquele dia, como o clima do dia em si. Cores vibrantes causam um pouco de estranhamento em um ambiente executivo, por exemplo.

Estado de Espírito – Reflete um pouco do que a pessoa sente naquele momento. O exemplo mais conhecido é o de luto, quando vestimos todos de preto, e mesmo de bom humor, naquele momento você está em respeito a um falecido.

Personalidade – É o que te define como pessoa. E no que diz respeito a moda, também costuma ser a resposta para qual é a sua cor favorita.

Existem outras implicações nesse ponto, mas como o negócio aqui é moda e se mostrar bem, tome como fator mais importante a sua personalidade e a mensagem que deseja passar no seu visual.

Usando o Círculo Cromático para montar seu traje

Aprenda a montar um bom visual com o Círculo Cromático

Agora que você sacou como funciona a psicologia das cores, vamos usar o círculo cromático em todo o seu potencial. Na imagem acima, deu para ver que as cores não apenas são separadas em tipos, como em tons, o que é muito importante na hora de compor o seu visual.

E é aqui que ultrapassamos a linha do “azul-claro, azul-escuro”, para todas as opções derivadas deles, e parar de sacanear as mulheres por aí com esse nível de detalhes. Elas estão mais certas do que você nesse caso, meu chapa.

Dito isso, vejamos alguns exemplos de combinações de roupas que você pode usar tomando como base o círculo cromático.

Visual Monocromático

O estilo monocromático pega apenas uma cor e um tom no Círculo Cromático

É como o nome sugere: uma cor só em todo o visual. Sabe “tudo azul”? É por aí. Parece que é algo simples de fazer, mas na verdade é bem arriscado se você não estiver consciente de como aplicar esse conceito em todas as peças.

A chance de você ser comparado a um personagem do Charlie Brown, por exemplo, é bem grande, então considere as possibilidades primeiro com sua cor favorita, e depois explore as opções com outros tons. Por falar nele….

Tom sobre Tom

O tom sobre tom no Círculo Cromático dá mais segurança e praticidade

Podemos dizer que é uma versão avançada do estilo monocromático. Você continua mantendo a mesma cor, mas varia entre os tons da mesma. Se você não quer usar o preto ou o branco como base para seus visuais, pode optar por um tom mais escuro ou claro, e depois ajustar com outros tons no restante da roupa.

O tom sobre tom também é uma forma elegante de encontrar saídas diferentes para seu visual em ocasiões mais formais. Tons diferentes de azul não pesam no seu estilo, só para constar.

A Trinca de Cores

A trinca de cores no Círculo Cromático ajuda muito a inovar e ousar na moda masculina

Aqui vamos precisar de uma referência visual no círculo cromático. Basicamente, as combinações aqui seguem o seguinte princípio: são sempre três cores, que possuem a mesma distância entre si. Observando o círculo a distância poderia ser de duas, três ou até quatro cores de distância, vai depender da sua criatividade.

Parece loucura, mas pensar em visuais com essa trinca em mente são muito interessantes para ocasiões mais casuais, ou mesmo aquelas mais formais, mas que permitem maior liberdade no seu traje esporte, por exemplo. E considerando aquela questão da personalidade, aqui é onde você pode trazer ainda mais camadas, literalmente.

Não dá mesmo pra usar o preto ou o branco?

Você pode usar o preto ou o branco para o Círculo Cromático

Claro que dá, jovem! A questão de não considerarmos antes é para não bagunçar sua cabeça no entendimento do círculo e como aplicá-lo no seu dia a dia de forma consciente e eficiente. Tanto o branco como o preto servem como coringas na composição dos visuais, assim como o cinza.

Quando estiver em dúvidas a respeito dos visuais, você pode usar uma base de branco ou preto em uma das peças, e a partir delas adicionar suas cores e tons favoritos. Na verdade, para quem está começando é uma ótima saída, já que você tem a segurança de cores universais e que combinam com tudo, antes de sair desse ponto.

As combinações citadas vão muito além, cara! Dominando o círculo cromático, você saberá exatamente o que deseja causar aos observadores, o que deseja expressar, ou como está se sentindo no momento sem precisar dizer uma palavra, e deixar seus cuidados com o visual ainda mais interessantes. Faça bom uso do visual, e até a próxima!